Diferença de idade nos relacionamentos: o que pensam as mulheres brasileiras?

Diferença de idade nos relacionamentos: o que pensam as mulheres brasileiras?

O aplicativo de encontros AdoteUmCara decidiu explorar este tópico e perguntou às brasileiras sobre suas experiências quando se trata de diferenças de idade nos relacionamentos. Aqui está o que elas responderam.

Apesar da recorrente afirmação de que a idade não é relevante no amor, a questão permanece controversa. Mas o que as brasileiras pensam sobre isso? A pesquisa realizada pelo aplicativo mostra que 80% das entrevistadas acreditam que um relacionamento com uma grande diferença de idade tem uma chance de sobrevivência.

Entretanto, esta opinião não se traduz plenamente na prática. Acontece que apesar de três em cada cinco brasileiras já terem tido um relacionamento com um homem muito mais velho, o número cai quase pela metade quando se trata de uma relação com um homem mais jovem.

"Estes dados são confirmados quando olhamos para as buscas de nossos usuários, já que não notamos diferenças significativas de idade. Só percebemos que os homens têm uma gama maior de buscas e são eles que tendem a procurar parceiras mais novas" - explica Karolina Ciccarelli, especialista do aplicativo de encontros AdoteUmCara.  

A idade ideal para um parceiro?  

O AdoteUmCara também perguntou sobre a idade ideal para um parceiro. 86% das entrevistadas afirmaram que procuram uma pessoa mais velha do que elas. Em comparação, apenas 14% das brasileiras optaria por um relacionamento com um homem mais jovem. Além disso, mais de 83% das entrevistadas são a favor de uma diferença de idade de até 10 anos a mais.

Esta tendência é confirmada por um estudo da Universidade de Cambridge, segundo o qual tanto homens quanto mulheres tendem a entrar em uma relação com alguém próximo de sua idade, mas ainda estão abertos a uma relação com um parceiro 10-15 anos mais velho.

As brasileiras também foram questionadas sobre suas experiências no assunto. Acontece que 60% das entrevistadas, que tinham uma relação com um homem mais velho, se entendiam perfeitamente bem com o parceiro. Enquanto isso, apenas 16% das entrevistadas que tiveram um relacionamento com um homem mais jovem compartilharam a mesma opinião.

Os autores do estudo, Douglas T. Kenrick e Richard C. Keefe, observam que "a crença de que as mulheres são atraídas por homens mais velhos, enquanto os homens são atraídos por mulheres relativamente mais jovens, está enraizada em mecanismos evolutivos e papéis sociais tradicionais de gênero".

"Entretanto, deve-se notar que as mulheres hoje em dia estão se tornando cada vez mais independentes, tanto financeira quanto socialmente”, argumenta Karolina Ciccarelli. “Portanto, o principal critério ao procurar um parceiro é encontrar alguém com quem ela possa compartilhar valores e perspectivas comuns. Assim, a diferença de idade acaba se tornando secundária e dando lugar à sensação de conexão emocional e íntima", conclui.

Sobre AdoteUmCara

Fundado pelos empresários franceses Manuel Conejo e Florent Steiner, o AdoteUmCara já seduziu mais de 27 milhões de pessoas em todo o mundo, e conta com o mesmo número de mulheres e homens entre seus usuários. 

Tendo um conceito simples como a chave do seu sucesso, baseado na inversão de papéis, a marca continua seu desenvolvimento internacional em dez países e em dois continentes, mantendo-se não convencional e um tanto transgressora. Disponível no site AdoteUmCara e no aplicativo mobile para Android e iPhone.